“Nossa história é velha, que nem um vidro de remédio que ficou empoleirado no fundo da prateleira, como um casaco de inverno que passou de moda a tempos. Lembro que no início do fim foi doloroso, me sentia como um pássaro que recém tinha sido trancado em uma gaiola apertada e que lhe impedia de voar. Mas assim que me dei conta, assim que fiquei em silencio e consegui abrir os olhos, as janelas; vi que eu na verdade tinha saído de uma gaiola no momento em que você saiu de moda para mim. Não queria ser assim fútil e tão um tanto malévola, mas é bem assim, tentamos, nos aturamos por um tempo, nos amamos, mas passou, carta fora do baralho. Não está doendo mais. Você virou aquela tendência que da vergonha a quem um dia ousou a usar. Não que eu esteja sendo hipócrita de cuspir no prato que comi, mas essa é a forma mais prática de descrever o que você e nosso amor se transformaram: passado. Passado, morto e enterrado. Sem mágoas, lembranças, saudades, sem nada, apenas passado que ficou preso quando me libertei. Só uma página virada de um livro que me esqueci de terminar a história. Fechei ele e coloquei na estante, estou pronta pra escrever um novo. Sabe, é estranho como de um dia pro outro a gente percebe que o amor se foi. Você jura que vai ser pra sempre, mas uma vacilada, um adeus te faz pensar se aquilo era realmente verdadeiro. Você esquece e seu coração se abre pra algo novo. Você não passa de uma história que vou contar futuramente, alguém que vou lembrar quando me perguntarem. Já não dói, já não faz frio na barriga… Não tem mais nenhuma maldita emoção que eu sentia tanto ma algum tempo atrás. Tudo com o tempo passa, assim como nosso amor foi passageiro. Tudo tem um fim, nada é pra sempre e nós somos um exemplo disso. Foi ótimo enquanto durou não há dúvidas, mas ficou pra trás. Nossa história teve fim mas isso não significa que será esquecida como se não fosse nada. Lembrarei de você isso é inegável, o meu primeiro amor que o tempo levou. Agora o sentimento acabou e só sobrou os meus agradecimentos. Obrigada por me dar dias felizes e cheios de amor. Obrigada por me fazer descobrir o amor e obrigada por me dar o seu amor.”
By: Paula, Ana Laura, Mayara and Lívia written in imperfeita-s.  

mists